Santos desativa leitos de UTI dedicados à Covid-19 devido a diminuição dos casos.
Marcelo Martins/ Prefeitura de Santos
Santos desativa leitos de UTI dedicados à Covid-19 devido a diminuição dos casos.


A prefeitura de Santos informou, na noite desta segunda-feira (21), que desativou 22 leitos C ovid-19 (12 de clínica médica e 10 de UTI) do Hospital de Pequeno Porte (HPP) Central. Os casos de internação diminuiram na cidade nas últimas 24 horas.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde os leitos que serão liberados vão passar por desinfecção e readequações e, a partir de quarta (23), o HPP Central voltará a receber outros tipos de pacientes em 20 leitos de enfermaria e 10 de UTI .

O número de pessoas com sintomas da Covid-19 na rede hospitalar da Cidade. No domingo (20), havia 178 internados e, nesta segunda (21), são 171 (- 3,9%) . Destes, 100 pacientes são moradores de Santos (58,5%) e 71 de outras cidades (41,5%).

Do total de internados, 77 estão nos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), destinados aos casos mais graves, sendo 41 moradores de Santos (53,2%) e 36 de outras cidades (46,8%).

A taxa de ocupação geral dos 610 leitos covid-19 disponíveis, nas unidades públicas e privadas, está em 28%. Entre os 249 leitos de UTI , a ocupação é de 31%. Na rede privada, a taxa é de 43% e, no SUS, de 22%.

Números não atualizados

Devido a problemas na rede de internet da Seção de Vigilância Epidemiológica (Seviep), as notificações recebidas não puderam ser inseridas no sistema utilizado pelo setor. Uma nova atualização deve ocorrer nesta terça (22).

Santos contabiliza, até o momento, 19.302 casos desde o início da pandemia, com 611 mortes confirmadas por decorrência da doença.

    Veja Também

      Mostrar mais