As refeições serão entregues na entrada da unidade
Arquivo/ Prefeitura de Santos
As refeições serão entregues na entrada da unidade


Pessoas em situação de rua, que vivem na cidade de Santos , poderão contar com refeições gratuitas dos restaurantes populares Bom Prato , durante o período de pandemia do novo coronavírus .

A medida foi anunciada nesta sexta-feira (29) pelo governo do Estado e será adotada de forma opcional pelos municípios. Na Baixada Santista, Santos vai aderir à ação.

A partir de segunda-feira (1º), com a adesão dos municípios, a Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado firmará convênio com as Prefeituras. A medida deve entrar em vigor ainda na primeira quinzena de junho.

A gratuidade para as pessoas cadastradas será custeada pelo governo do estado. A Prefeitura será responsável por localizar e identificar os beneficiários, realizar a entrega dos cartões de gratuidade e o monitorar a prestação dos serviços.

Apenas usuários cadastrados pela prefeitura, como população em situação de rua não albergada e sem acesso à assistência alimentar, poderão receber o benefício. A medida valerá até 30 de julho e poderá ser prorrogada.

Refeição

A refeição oferecida tem cerca de 1.200 calorias e é composta por arroz, feijão, salada, legumes, um tipo de carne, farinha de mandioca, pãozinho, suco e sobremesa – geralmente uma fruta da época. Já no café da manhã é oferecido leite com café, achocolatado ou iogurte, pão com margarina, requeijão ou frios e uma fruta da estação. 

Atualmente, são 59 unidades do Bom Prato no Estado de São Paulo. Até então, a rede de restaurantes oferecia café da manhã por R$ 0,50 e almoço e jantar por R$ 1. 

Endereços das unidades

Bom Prato Morros - Av. Santo Antônio do Valongo, 546, São Bento.
Bom Prato da Vila Gilda - Av. Brigadeiro Faria Lima, 1.349, Rádio Clube.
Bom Prato Mercado - Praça Iguatemi Martins s/nº, Vila Nova.
Bom Prato Zona Noroeste - Av. Nossa Senhora de Fátima, 517, Chico de Paula.

    Veja Também

      Mostrar mais