A cidade contabiliza mais de 14 mil casos de covid-19
DIVULGAÇÃO/ AGÊNCIA BRASIL
A cidade contabiliza mais de 14 mil casos de covid-19


A rede hospitalar de Santos registra, nesta sexta-feira (24), a menor taxa de ocupação de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes covid-19 dos últimos três meses, desde o início da série histórica, em 24 de abril.

Os 306 leitos de UTI disponíveis nos hospitais públicos e privados têm 121 pacientes, o que representa uma ocupação de 40%. Na rede privada, a taxa é de 55% e, no SUS, de 29%.

Entre os leitos de UTI adulto a taxa é de 43% e, nos leitos de UTI pediátrico, é de 7%. Dos internados nos leitos destinados aos casos mais graves, 68 são moradores de Santos (56,2%) e 53 de outras cidades (43,8%).

Ao todo, incluindo os leitos de Enfermaria e Clínica Médica, há 310 pessoas com sintomas da covid-19 internadas na rede hospitalar santista. Destes, 177 são moradores de Santos (57%) e 133 de outras cidades (43%).

NOVOS CASOS

A Prefeitura recebeu 165 notificações de covid-19 entre munícipes de Santos, passando o número de casos acumulados de 13.840 para 14.005 (+1,1%). Mais 169 pessoas se recuperaram da doença nas últimas 24 horas, totalizando 8.030 recuperados desde o início da pandemia.

Entre as novas confirmações, sete são relativas a munícipes que faleceram, sendo duas mulheres (73 e 79 anos) e cinco homens (66, 67, 72, 76 e 80 anos), mortes ocorridas em 21 de maio e nos dias 16, 18, 19, 21, 22 e 23 de julho. Agora, a Cidade atinge 444 mortes pela covid19.

Balanço

Casos confirmados: 14.005
Suspeitos: 611
Internações: 177 (68 em UTI)
Recuperados: 8.030 (778 hospitalares)
Óbitos (confirmados): 444 (13 em investigação)
Testes rápidos: 71.700
Testes PCR: 22.197

    Veja Também

      Mostrar mais