Os aparelhos de TV Box transformam televisores comuns em “smart” com uma série de funcionalidades agregadas.
Divulgação/ Receita Federal
Os aparelhos de TV Box transformam televisores comuns em “smart” com uma série de funcionalidades agregadas.


A Receita Federal apreende 81,3 toneladas de produtos falsificados no Porto de Santos, durante ação iniciada nesta terça-feira, 11 de agosto. A mercadoria estava prensada em caixas e fardos, dentro de quatro contêineres de 40 pés.
Como ocorreu nas duas últimas apreensões, de 29 de julho e 4 de agosto,
Foram encontradas camisetas, agasalhos, tênis, botas, sapatos, sandálias, capas de celular, carregadores, baterias, cigarros eletrônicos, aparelhos de TV Box e óculos.

As marcas dos produtos eram Yves Saint Laurent, Nike, Dolce & Gabbana, Adidas, Mizuno, Dior, Chanel, Apple, LG, Samsung, Versace, Louis Vuitton e Gucci, Ray-Ban, entre outras.

Durante a fiscalização dos contêineres foi encontrada, ainda, uma caixa com selos falsos da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). De acordo com a Receita, estes selos seriam utilizados para indicar a certificação dos aparelhos de TV Box, segundo estabelecidos pela Anatel, além de condições de garantia e assistência técnica.

Os aparelhos de TV Box transformam televisores comuns em “smart” com uma série de funcionalidades agregadas.

O órgão ainda ressalta que não é proibida a comercialização no Brasil e um dos principais cuidados é com a pirataria. É preciso ficar atento aos modelos vendidos com promessas de dezenas de canais desbloqueados ou que são oferecidos com valores de assinatura que vão além do preço do aparelho. Nestes casos, é considerado crime a oferta de canais de TV pelas listas de IPTV (lista da reprodução de canais de televisão ou conteúdo multimídia em streaming on-line).

Conectados à internet, a utilização deste tipo de produto pode colocar em risco a privacidade do usuário: informações pessoais, senhas, endereços de e-mail, dados de cartão de crédito, entre outras informações.

    Veja Também

      Mostrar mais