Hemonúcleo de Santos pede ajuda após queda de60% nas doações de sangue
Reprodução/ ACidade ON
Doações ao Banco de Sangue despencam em Santos


O Hemonúcleo de Santos registrou queda de cerca de 60% das doações de sangue no início do segundo semestre deste ano. Segundo a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo os estoques estão abaixo do ideal e é preciso ajuda de voluntários para aumentar o número de bolsas.

As cidades de Santos , São Vicente , Bertioga e Mongaguá são atendidas pelo Hemonúcleo de Santos. Em média são realizados 500 doações por mês, sendo que a capacidade do posto é para 1.425 atendimentos.

Até metade deste mês a unidade havia recebido 246 bolsas de sangue, mais de 50% a menos do que o esperado que gira em torno de 570 bolsas .

De acordo com a Secretaria de Saúde , o estoque está crítico para todos os tipos sanguíneos, principalmente O+ e todos os Rh negativos ( A, B, AB e O ).

O Hemonúcleo adotou os critérios estabelecidos para a segurança dos voluntários em relação do Covid-19. Os ambientes estão sendo desinfectados frequentemente assim como as cadeiras, a cada troca de trocador. Há álcool gel para colaboradores/voluntários e obrigatório o uso de máscara de proteção.

O Hemonúcleo de Santos fica na Rua Oswaldo Cruz, 197. O atendimento é realizado de segunda a sábado, das 8h às 12h30 (exceto feriados).

O que é preciso para doar

  • Ter entre 16 e 69 anos (se for menor de idade, é necessário ter autorização dos pais e responsáveis);
  • Pesar, no mínimo, 50 kg;
  • Estar com a saúde em dia;
  • Apresentar um documento original, com foto;
  • Não ter ingerido bebida alcoólica no mínimo 12 horas antes da doação.

    Veja Também

      Mostrar mais