O Museu do Porto de Santos tem uma "antiga" novidade em seu acervo. A locomotivaLavoura ”, que era usada a carvão, é de fabricação alemã, produzida pela empresa Krauss & Company em 1889, e tinha sido retirada pela Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF) para restauração, em 2016.

Leia também: Chuvas permanecem e exigem atenção nos morros de Santos

A locomotiva foi utilizada para servir de transporte de blocos de rocha para a construção do cais santista, em uma linha férrea construída entre a pedreira do Jabaquara e o estuário do porto, percorrendo uma distância aproximada de quatro quilômetros de extensão.

Em seguida a Lavoura foi transferida para os serviços na Usina Hidrelétrica de Itatinga, foi usada no transporte de pessoas e cargas entre o portinho do Rio Itapanhaú e a Vila da Usina, em uma linha férrea de sete quilômetros. A locomotiva foi retirada de serviço no início da década de 1990.

Museu do Porto

O Museu do Porto tem mais de 5 mil itens históricos além da locomotiva. Um dos destaques são as roupas de escafandristas, documentos, equipamentos portuários e de comunicação, reproduções de pinturas de Benedito Calixto com a temática ligada ao Porto de Santos.

O Museu fica na Avenida Conselheiro Rodrigues Alves, s/nº, Macuco. O local funciona de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 14 às 17h. As visitas devem ser agendadas pelo e-mail complexo.cultural@brssz.com ou pelo telefone (13) 3202-6565, ramal 2005. A entrada é gratuita.

Para a visita, é obrigatória utilização de máscaras faciais pelos visitantes. Serão atendidos grupos de no máximo dez pessoas simultaneamente, divididos em subgrupos de cinco. Haverá aferição de temperatura corporal na entrada.

    Veja Também

      Mostrar mais