A droga foi encontrada em uma carga de 27 toneladas de limões
Receita Federal/Divulgação
A droga foi encontrada em uma carga de 27 toneladas de limões


Equipes da Receita Federal da Alfândega de Santos apreenderam 68 quilos de cocaína no cais santista na manhã desta quarta-feira (7). O entorpecente estava escondindo em uma carga de exportação com destino à Holanda. Ninguém foi preso.

Leia também

A cocaína estava em um carregamento de 27 toneladas de limões, com destinado ao porto holandês de Roterdã. A carga precisou ser retirada para que as equipes atingissem o fundo do contêiner e acessassem a parede que separa os equipamentos de refrigeração. A sua retirada mostrou que o isolamento térmico havia sido substituído por tabletes de cocaína, em uma tentativa de dificultar o trabalho da fiscalização.

Para a seleção de cargas são utilizados critérios objetivos de gerenciamento e análise de risco, bem como a inspeção não intrusiva por imagens de escâner. A importância desse trabalho sistemático de seleção é garantir o fluxo do comércio internacional, muito importante para a economia do país, sem perder de vista a segurança das operações.

A droga interceptada pela Alfândega foi entregue à Polícia Federal, que acompanhou a operação após a localização do entorpecente e prosseguirá com as investigações com base nas informações fornecidas pela Receita Federal. O repasse de informações das operações à polícia judiciária tanto pode dar início a novas investigações como complementar as que estão em curso.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários